A Comissão de mercado e valores Mobiliários decidiu proibir a venda a descoberto das ações da PT.

Em comunicado, o regulador informa que a decisão tem efeitos a partir das 00h00m de 5 de novembro de 2014, até às 23h59m do mesmo dia.

A proibição de vendas a descoberto não é aplicável à atividade de criação de mercado, ou seja, as ações da cotada vão ser transacionadas, como de costume, na Bolsa de Lisboa.

Esta terça-feira a PT encerrou a sessão bolsista a tombar 12,05%, para os 1,20 euros

Venda a descoberto é uma prática financeira especulativa, cujo objetivo é tentar ganhar dinheiro em épocas de baixa, com a desvalorização e quedas de preço das ações, ou outros ativos.