O banco BPI convocou esta quarta-feira uma Assembleia Geral (AG) de acionistas para o dia 17 de outubro para deliberar sobre a adoção do «regime aplicável aos ativos por impostos diferidos».

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o banco liderado por Fernando Ulrich diz que este tema da AG será o único ponto da ordem de trabalhos, escreve a Lusa.

Os acionistas vão ser chamados a «deliberar sobre a adesão da sociedade ao regime especial aplicável aos ativos por impostos diferidos», aprovado pelo Governo em agosto.

A AG votará, no âmbito deste regime, nomeadamente, a constituição de uma reserva especial, a emissão e atribuição ao Estado de direitos de conversão e um aumento de capital social por incorporação da reserva especial constituída.