As principais bolsas europeias estão esta terça-feira a recuar, de forma ligeira, a aguardarem pela divulgação de dados sobre as encomendas à indústria norte-americana.

Às 08:30 em Lisboa, o Eurostoxx 50, o índice que representa as principais empresas da zona euro, estava a descer 0,19%, para 2.768,78 pontos.

As bolsas europeias seguiam a negociar negativas, entre as perdas de 0,01% de Milão e as de 0,20% de Paris.

Londres e Frankfurt seguiam igualmente negativos, a desvalorizar 0,09% e 0,02%.

A exceção era Madrid, que seguia ligeiramente positiva, nos 0,07%.

Em Lisboa, pela mesma hora, o índice de referência bolsista PSI20 seguia a desvalorizar 0,10%, para 5.898,97 pontos.

Os investidores acolheram bem a decisão dos EUA de adiar um ataque contra a Síria e hoje estarão atentos à reabertura de Wall Street, que esteve fechada na segunda-feira e à divulgação de dados macroeconómicos relevantes, como as encomendas à indústria.

Tanto o euro como o barril de petróleo Brent negociavam em baixa nos respetivos mercados, com a moeda única europeia a trocar-se a 1,3172 dólares, enquanto o crude de referência na Europa abria no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres a 114,20 dólares, menos 0,13 dólares do que na segunda-feira.