A queda de 2,9% da Galp Energia, no dia em que dá a conhecer o novo plano de investimentos para os próximos cinco anos, leva a Bolsa de Lisboa a recuar 0,9% e a liderar as quedas na Europa, segundo traders, de acordo com a Reuters.

O índice FTSEurofirst 300, que agrega as maiores cotadas da Europa, cai 0,06%, recuando de máximos de sete anos, enquanto a bolsa de Atenas contraria a tendência de queda europeia e sobe 2,6%.

No final da reunião do Eurogrupo de ontem, em que os ministros das Finanças da zona euro analisaram em detalhe as propostas de reforma da Grécia para os quatro meses relativos à extensão do resgate, o presidente, Jeroen Dijsselbloem, avisou que não há tempo a perder e que as discussões técnicas entre o Executivo grego e os credores internacionais começam amanhã.

Os principais índices europeus seguem com quedas entre 0,2% em Londres e 0,4% em Madrid.

No mercado secundário, os juros da dívida renovaram mínimos esta manhã.