O banco JPMorgan Chase, o maior dos Estados Unidos, obteve em 2013 lucros líquidos de 17.923 milhões de dólares, 16% menos do que no ano anterior, quando ganhou 21.284 milhões de dólares.

No último trimestre do ano, a instituição financeira ganhou 5.278 milhões de dólares, 7% menos do que os 5.692 milhões do mesmo período do ano anterior.

Segundo um comunicado divulgado esta terça-feira pelo banco, as receitas do conjunto do ano alcançaram 96.606 milhões de dólares, ligeiramente abaixo dos 97.031 milhões de 2012.

James Dimon, presidente do conselho executivo do banco, congratulou-se com a resolução de algumas questões que estavam pendentes na justiça, relacionadas com empréstimos hipotecários e com as vítimas da fraude de Bernard Madoff.

O dirigente referiu que é do interesse do banco e dos seus acionistas que se assumam responsabilidades para poder «seguir em frente».