Os índices bolsistas europeus continuam no vermelho, perdem já pela oitava sessão consecutiva, com o receio dos investidores depois do presidente norte-americano, Barack Obama, ter autorizado raides aéreos no Iraque.

Cerca das 09:00 o índice FTSEurofirst 300, que mede os principais valores europeus, cedia quase 1% para os 1.302,48 pontos, acumulando perdas de 7% desde meados de junho.

Obama anunciou esta quinta-feira que autorizou ataques aéreos no Iraque para proteger os funcionários norte-americanos, ao mesmo tempo que iniciou uma ação de ajuda humanitária a minorias religiosas «para prevenir um potencial genocídio».