O acordo que formaliza a recapitalização e reestruturação do grupo de media da Controlinveste foi assinado esta sexta-feira e marca a entrada na estrutura acionista da empresa dos investidores António Mosquito, Luís Montez, BCP e BES.

Segundo um comunicado da empresa, o acordo, que formaliza o Memorando de Entendimento já acordado entre as partes, prevê que o Grupo Controlinveste, detido por Joaquim Oliveira, mantenha uma participação de 27,5%.

Através de um aumento de capital, António Mosquito ficará a deter uma participação de 27,5% e Luis Montez passará a deter uma participação de 15%.

«O BCP e o BES assumirão uma posição de 15% cada, por conversão de créditos em capital», esclarece o grupo Controlinveste em comunicado.

Nas próximas semanas será eleito o novo Conselho de Administração, presidido por Daniel Proença de Carvalho e integrando representantes indicados pelos acionistas, com exceção dos bancos.