A ministra das Finanças mantém que não mentiu sobre os swap e garante que vai prestar todos os esclarecimentos sobre o tema na comissão parlamentar de inquérito, onde deverá voltar a ser ouvida a pedido do Bloco de Esquerda.

Questionada sobre as discrepâncias no seu discurso relativamente ao conhecimento que tinha, ou não, desta matéria, a ministra prometeu que «todos os esclarecimentos serão prestados» e que no final, «a comissão terá de considerar que a atuação do Governo nesta matéria foi completa e adequada».

Recorde-se que a ministra garantiu várias vezes não ter sido informada pelo anterior Governo dos potenciais prejuízos para as empresas públicas com os contratos especulativos, ao contrário do que afirmavam o ex-ministro das Finanças, Fernando Teixeira dos Santos, o ex-secretário de Estado do Tesouro e Finanças, Carlos Costa Pina, e o ex-diretor-geral do Tesouro e Finanças, Pedro Felício.

Depois de terem sido publicados os e-mails entre a ministra e o Pedro Felício, em 2011, sobre os swap Maria Luís Albuquerque acabou por admitir ontem, em entrevista à SIC, a existência dos e-mails, alegando que, no entanto, «não tinha toda a informação» sobre o tema.