Hélder Reis será o novo secretário de Estado do Orçamento, em substituição de Luís Morais Sarmento e Joaquim Pais Jorge será secretário de Estado do Tesouro, ocupando o cargo deixado vago por Maria Luís Albuquerque, na sequência da «mini-remodelação» no Ministério das Finanças, avança a TVI.

Hélder Reis tinha sido um dos escolhidos pelo Governo para gestor não executivo da Caixa Geral de Depósitos (CGD), mas acabou por não avançar, por se considerar existir incompatibilidade com o cargo que ocupava, já que era diretor do Gabinete de Estratégia do Ministério das Finanças.

É formado pela Universidade Lusíada, onde iniciou carreira como docente do Departamento de Economia, em 1993, e tem um mestrado em Economia Monetária e Financeira feito no ISEG.

Esta não é a primeira experiência de Hélder Reis no Governo, já que foi adjunto do Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, João Amaral Tomás, de Março de 2005 a Abril de 2007.

Já Joaquim Pais Jorge era até agora presidente da Parpública, a holding que concentra as participações empresariais do Estado.

Os restantes secretários de Estado mantêm-se: Manuel Rodrigues continua com pasta das Finanças, Paulo Núncio com os Assuntos Fiscais e Hélder Rosalino com a Administração Pública.