O lucro da Semapa caiu 17,7% até setembro, face a igual período de 2014, para 65,9 milhões de euros, "sendo esta quebra explicada, em grande parte, pelo aumento dos impostos", divulgou esta sexta-feira a empresa de pasta e papel.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, a Semapa adianta que o volume de negócios consolidado subiu 6% para 1.570 milhões de euros e o resultado antes de impostos, juros, depreciações e amortizações (EBITDA) subiu 21% para 361,1 milhões de euros.

Na pasta e papel, "o volume de negócios neste período atingiu 1,2 mil milhões de euros, um aumento de 5,8%" face a igual período do ano passado, "que resulta essencialmente da evolução favorável dos preços de pasta e papel (num enquadramento de valorização do dólar face ao euro) e da inclusão do negócio de 'tissue' no universo de consolidação do grupo", refere a empresa.