Dezenas de lesados do papel comercial do Grupo Espírito Santo vendido aos balcões do BES estão em frente ao Novo Banco, no Porto, em mais um protesto para exigir o reembolso do dinheiro investido.

Alguns manifestantes chegaram mesmo a atirar ovos ao edifício sito na rua dos Aliados, com as forças de segurança alinhadas em cordão policial. 

Entretanto os manifestantes foram para a porta do Banco de Portugal e tentaram derrubar as barreiras de segurança colocadas pelas forças policiais. E também mandaram ovos à fachada da instituição.

Esta quinta-feira, os lesados manifestaram-se em Vilar Formoso, chegando a cortar a estrada que dá acesso à fronteira com Espanha.

Já no dia 14 tinha havido protestos no Porto, com uma centena de lesados a tentar invadir o edifício do Novo Banco. A confusão instalou-se quando os manifestantes travessaram a rua e começaram a bater nas grades e nos vidros da instituição bancária, que se encontra encerrada. O resultado: alguns vidros partidos e o reforço do dispositivo policial. 

E há pelo menos mais um protesto agendado, desta feita em Lisboa, na próxima quinta-feira. Os lesados do BES vão protestar pelo reembolso do papel comercial frente ao Ministério das Finanças a partir das 11:00, uma manifestação agendada pela Associação dos Indignados e Enganados do Papel Comercial e  anunciada no seu site.