A secretária de Estado do Tesouro portuguesa, Isabel Castelo Branco, tocou esta terça-feira o sino da Bolsa de Nova Iorque, marcando o início da sessão e de cerca de 500 reuniões entre investidores americanos e empresas portuguesas, francesas, holandesas e belgas.

A cerimónia está integrada nos «Pan European Days», uma iniciativa da Euronext Lisbon e do BES Investimento em que participam 12 empresas do PSI20 (principal índice da Bolsa de Lisboa).

Desde segunda-feira e até quarta-feira, a bolsa de Nova Iorque será palco de dezenas de reuniões entre as empresas nacionais e 67 investidores norte-americanos.

No balcão da praça financeira norte-americana estavam também os presidentes executivos de algumas empresas do PSI20, o presidente da Euronext Lisbon, Luis Laginha de Sousa, e o presidente da Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP), João Moreira Rato.

As empresas portuguesas presentes são os CTT, a REN, o Banif, a EDP - Energias de Portugal, a EDP -Renováveis, a NOS [antiga Zon Optimus], a Galp Energia, a Mota Engil, a Impresa, o BPI, a Jerónimo Martins, o Millennium BCP e a Espírito Santo Saúde.