O governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, deverá apresentar hoje, às 22:45, a solução que foi encontrada para o Banco Espírito Santo (BES), disse à Lusa fonte do Banco de Portugal.

A solução «deverá ser apresentada às 22:45, através de uma declaração, no Banco de Portugal, disse a fonte. Inicialmente a declaração estava agendada para as 22:30, mas foi posteriormente adiada.

A declaração não terá excecionalmente direito a perguntas por parte dos jornalistas, adianta o comunicado.

De acordo com a imprensa, a solução para a recapitalização do BES deve passar por uma injecção superior a três mil milhões de euros por parte do Fundo de Resolução e pela criação de um «bad bank», que ficará com os activos tóxicos da carteira de crédito do banco.

Esta solução vai ser apresentada quatro dias depois do BES ter divulgado um resultado líquido negativo de 3.577,3 milhões de euros entre janeiro e junho deste ano, um valor que compara com o prejuízo de 237,4 milhões de euros, apurado no primeiro semestre de 2013.

Na sexta-feira, a CMVM suspendeu a negociação das ações do BES na Bolsa, depois de o banco ter registado um novo mínimo histórico nos 0,105 euros.

Também na sexta-feira, a TVI avançou em primeira mão que o Estado ia entrar no capital do BES.

Notíci atualiza