O ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble, garantiu, este sábado, que a Grécia receberá novas ajudas comunitárias se o país cumprir todos os compromissos assumidos com a troika e continuar com o processo de reformas.

«Se a Grécia cumprir todos os seus deveres até ao final de 2015, e alcançar um excedente primário nas suas contas públicas e, apesar disso, apresentar dificuldades financeiras, estamos preparados para ajudar», afirmou Schäuble numa entrevista publicada este sábado pelo diário alemão «Rheinische Post».

No entanto, o titular da pasta das Finanças da Alemanha advertiu que a ajuda europeia à Grécia, caso Atenas necessite, será «sem dúvida alguma muito mais pequena» face à ajuda financeira que os helénicos receberam até ao momento.