A próxima visita da troika a Portugal, quando decorrerão a oitava e nova avaliação regulares do programa de ajustamento português, vai ser novamente adiada.

Segundo confirmou o Ministério das Finanças à TVI, os técnicos chegarão em meados de setembro e os exames só deverão ser concluídos no final do mês que vem, já depois das eleições autárquicas e também das legislativas alemãs.

A chegada dos técnicos estava prevista para o final de agosto.

Quando os técnicos do Fundo Monetário Internacional (FMI), Banco Central Europeu (BCE) e Comissão Europeia (CE) aterrarem em Lisboa já deverá ser conhecida a decisão do Tribunal Constitucional (TC) sobre o diploma da requalificação da função pública, uma vez que o TC tem de se pronunciar até dia 9.

A visita da troika decorrerá, no entanto, em plena preparação do Orçamento do Estado para 2014, que tem de ser entregue na Assembleia da República em meados de outubro.