Parte do terceiro programa de ajuda à Grécia, admitido ontem pelo ministro das Finanças alemão, virá do orçamento comunitário, avança esta quarta-feira o jornal alemão «Sueddeutsche Zeitung», sem revelar a fonte da informação.

Wolfgang Schauble afirmou ontem que vai existir um terceiro pacote de ajuda à Grécia, o que não representará, garantiu, um novo perdão de dívida. Quanto à origem da ajuda financeira ao país, o ministro alemão não adiantou detalhes.

Mas esta manhã, o jornal alemão avança que parte do financiamento virá do orçamento da União Europeia, e que a Grécia poderá receber ainda ajuda financeira adicional dos fundos estruturais europeus.

O jornal refere ainda que o terceiro resgate financeiro envolverá valores bastante mais baixos do que os dois primeiros, uma informação já ontem revelada por fontes das Finanças gregas à Reuters.