As contas externas de Portugal foram negativas em janeiro deste ano, tendo apresentado um défice de 158 milhões de euros, segundo números do Banco de Portugal.

De acordo com o Boletim Estatístico divulgado esta segunda-feira pelo banco central, a balança corrente apresentou um défice de 185 milhões de euros, ao passo que a balança de capital registou um saldo positivo de 27 milhões de euros, o que se traduz num défice externo de 158 milhões de euros no primeiro mês do ano.

Em 2013, as contas externas portuguesas foram excedentárias, tendo atingido os 4.293 milhões de euros no final do ano, um aumento face ao saldo de 539 milhões de euros de 2012.

Segundo o Banco de Portugal, 2013 foi o segundo ano consecutivo em que a soma do saldo da balança corrente com a de capital apresentou um saldo positivo. Em 2011 e 2010, Portugal registou défices externos de 16.351 milhões de euros e de 9.883 milhões de euros, respetivamente.