O Conselho de Ministros vai reunir-se na segunda-feira para aprovar o Documento de Estratégia Orçamental (DEO) e analisar o chamado «guião da reforma do Estado», anunciou esta quinta-feira o ministro da Presidência.

«O Conselho de Ministros terá lugar na 2.ª feira, não só o dia regular do Conselho de Ministros é feriado, por isso nunca poderia ser no dia normal do Conselho de Ministros, como também porque temos o prazo até 30 de abril, nos termos das regras comunitárias, para fechar o DEO, que de resto terá também de ser enviado à Assembleia da República», declarou Luís Marques Guedes, referindo-se ao feriado do 1.º de Maio, Dia do Trabalhador.

A reunião de segunda-feira, «na prática, será o Conselho de Ministros ordinário da próxima semana, que é antecipado por estas razões objetivas», acrescentou o ministro da Presidência e dos Assuntos Parlamentares.

Luís Marques Guedes, que falava em conferência de imprensa, no final da reunião semanal do Conselho de Ministros, adiantou que o «guião da reforma do Estado», documento a cargo do vice-primeiro-ministro, Paulo Portas, «será objeto de alguma análise» na segunda-feira, mas poderá não ficar «concluído» nessa reunião.