Os «Certificados do Tesouro Poupança-mais» estão a ser um sucesso. Nos três primeiros dias de subscrição entraram nos cofres do Estado cerca de 100 milhões de euros, um valor que o Governo tinha previsto alcançar até final do ano.

Contas feitas, os portugueses investiram 33 milhões de euros por dia, o que representa um valor 13 vezes superior à média diária estimada pelo Governo e inscrita no Orçamento do Estado, segundo números divulgados pelo «Jornal de Negócios».

No próximo ano, o objetivo passa por emitir 1.500 milhões de euros de Certificados do Tesouro Poupança-mais.

Recorde-se que este novo produto financeiro foi lançado na quinta-feira, no Dia Mundial da Poupança.

Este é um produto a cinco anos, com taxas crescentes entre 2,75% no primeiro ano.