A autarquia de Oliveira de Azeméis abriu o concurso público para construção de um business center de 1,9 milhões de euros que irá apoiar a indústria instalada na nova Área de Acolhimento Empresarial de Ul e Loureiro.

A infraestrutura, disse hoje fonte autárquica, deverá ficar concluída até final de 2015 e nessa altura apresentar-se-á num edifício de dois pisos equipados com salas de reuniões, escritórios, um auditório, uma estação de correios, uma reprografia, uma cafetaria e outras valências de interesse comum para a zona industrial agora em expansão.

«Este Business Center permitirá que as indústrias tenham rápido acesso a uma série de serviços de apoio e vai proporcionar meios para as empresas se qualificarem e desenvolverem», declarou à Lusa Hermínio Loureiro, presidente da Câmara Municipal.

«Com a decisão de lançar a obra a concurso, demos mais um passo importante para fazermos da Área de Acolhimento Empresarial de Ul e Loureiro uma zona industrial de excelência, que oferece aos empresários boas condições para que sejam ainda mais competitivos», acrescenta o autarca.

Realçando que Oliveira de Azeméis «exporta anualmente mais de 700 milhões de euros e está no top 20 dos municípios que mais faturam nas transações com o estrangeiro», Hermínio Loureiro adianta que o anunciado Business Center procurará estimular ainda mais essa vertente comercial ao disponibilizar também diversas salas para efeitos de pós-incubação empresarial.

Os seus 8.000 metros quadrados de área funcionarão assim como «centro nevrálgico» da mais recente zona industrial do concelho, que ocupa com «elevada intensidade tecnológica» cerca de 40 hectares de terreno na confluência das freguesias de Ul e Loureiro.

Uma vez identificado o vencedor do concurso público para a empreitada, que será atribuída ao construtor «que apresentar o preço mais baixo», a autarquia avançará para os devidos procedimentos burocráticos e, uma vez chegada ao terreno, a obra terá um prazo de execução de 270 dias.