O presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselbloem, disse esta quarta-feira que será "impossível politicamente" eliminar valor nominal da dívida grega, mesmo que seja possível aliviá-la de outra forma.

"A discussão sobre um alívio da dívida grega não é tabu. A única coisa impossível politicamente é eliminar o seu valor nominal (cerca de 320 mil milhões de euros)”, disse Jeroen Dijsselbloem em entrevista ao jornal Le Monde.

O presidente do Eurogrupo lembrou que a questão já foi colocada a nível europeu em novembro de 2012, com a condição de o governo grego cumprir os seus compromissos.