Alemanha "beneficiou claramente com a crise grega"



"Nos anos recentes, cada vez que os mercados financeiros souberam de notícias negativas sobre a Grécia, as taxas de juro sobre as obrigações do governo alemão caíram, e cada vez que as notícias foram boas, estas subiram", defende o documento.










Outros países como os Estados Unidos, a França e a Holanda também beneficiaram