A taxa de desemprego na zona euro foi de 9,8% em novembro, estável face a outubro mas abaixo dos 10,5% homólogos, divulgou hoje o Eurostat.

No conjunto dos 28 Estados-membros da União Europeia (UE), a taxa de desemprego foi de 8,3% no mês em análise, valor que se compara com os 9% homólogos de 2015 e com os 8,4% de outubro.

Segundo o gabinete oficial de estatísticas da UE, as taxas de desemprego mais baixas foram registadas na República Checa (3,7%) e na Alemanha (4,1%), enquanto as mais elevadas na Grécia (23,1% em setembro) e em Espanha (19,2%). Em Portugal, a taxa de desemprego ficou nos 10,6% em outubro e deve ter caído para 10,5% em novembro, tal como divulgado pelo Instituto Nacional de Estatística na sexta-feira passada.