A taxa de desemprego no quarto trimestre de 2015 foi 12,2%, anunciou o Instituto Nacional de Estatística (INE) esta quarta-feira.

Este valor é superior em 0,3 pontos percentuais (p.p.) ao do trimestre anterior e inferior em 1,3 p.p. ao do trimestre homólogo de 2014.

A população desempregada, estimada em 633,9 mil pessoas, registou um aumento trimestral de 2,4% (mais 15,1 mil pessoas) e uma diminuição homóloga de 9,2% (menos 64,4 mil pessoas).

A população empregada, estimada em 4 561,5 mil pessoas, verificou um decréscimo trimestral de 0,3% (menos 13,8 mil pessoas) e um acréscimo homólogo de 1,6% (mais 69,9 mil pessoas).

A taxa de atividade da população em idade ativa situou-se em 58,6%, valor idêntico ao observado no trimestre anterior e superior em 0,1 p.p. ao do trimestre homólogo.

Em termos de média anual, a taxa de desemprego fixou-se em 12,4% em 2015, o que representa uma diminuição de 1,5 p.p. em relação a 2014. A população desempregada, estimada em 646,5 mil pessoas, diminuiu 11,0% em relação ao ano anterior (menos 79,5 mil pessoas). A população empregada, estimada em 4 548,7 mil pessoas, registou um acréscimo anual de 1,1% (mais 49,2 mil pessoas).

Nestas estimativas trimestrais foi considerada a população com 15 e mais anos, não sendo os valores ajustados de sazonalidade.