O índice de preços na produção industrial apresentou uma variação homóloga mais negativa em setembro, fixando-se em -1,6%, abaixo dos -0,4% registados no mês anterior.

Segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), o setor da energia foi o que mais contribuiu para a variação negativa, com uma diminuição de 3,7% em setembro (-1,6% em agosto).Já o índice das indústrias transformadoras apresentou uma redução homóloga de 2,6% (-1,2% em agosto).

Em termos mensais, o índice de preços na produção industrial recuou 0,5%, ficando 0,5 pontos percentuais abaixo da variação de agosto (0,0%).

Os dados de setembro inauguram uma nova série, com alterações no conceito de preço, que deixou de incluir impostos específicos sobre os produtos, e na amostragem, que se traduziu num aumento de cobertura das atividades e produtos considerados.