Vinte mil portugueses estavam desempregados em Espanha no final do primeiro semestre do ano, o que represente cerca de 28,8% da população ativa do país, de acordo com os dados facultados à Lusa pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) espanhol.

Os dados baseiam-se no Inquérito da População Ativa (EPA na sua sigla inglesa) e indicam que o número total de portugueses com mais de 16 anos em Espanha era de 94 mil no final de junho, dos quais 49.400 ocupados, 24.600 inativos e 20 mil desempregados, menos 1.600 que no final do primeiro trimestre.

Estes dados confirmam que o desemprego entre os portugueses é mais elevado do que a média nacional em Espanha.