Porto Rico não conseguiu pagar cerca de 58 milhões de dólares (52,9 milhões de euros) de dívida em obrigações da Public Finance Corporation, que venciam esta segunda-feira.

O anúncio foi feito pela presidente do Banco Governamental de Fomento (Central), Melba Acosta, mas o cenário já tinha aido antecipado pelo governador de Porto Rico, Alberto García Padilla, que advertiu no final de junho que a grande dívida da ilha era "impagável".

É o primeiro incumprimento de Porto Rico. Porto Rico é autónomo, mas depende dos Estados Unidos da América, sendo denominado um Estado livre associado.

O governo de Porto Rico pede que Washington modifique a lei norte-americana, para permitir que o Estado possa declarar falência.

A dívida total do país ascende a 73 mil milhões de dólares (66,6 mil milhões de euros).