"Os reembolsos de impostos indiretos verificados até março de 2015 foram inferiores aos registados no período homólogo em cerca de 319 milhões de euros, nomeadamente ao nível do IVA [Imposto sobre o Valor Acrescentado], implicando um aumento da receita fiscal em termos líquidos muito superior à verificada em termos brutos", escrevem os técnicos independentes que apoiam o parlamento.






reembolsos do IVA

Fonte do Ministério das Finanças disse à Lusa que a comunicação eletrónica de faturas para o sistema e-fatura "é obrigatória para todas as empresas desde 2013" e é necessária para "garantir o direito de cada contribuinte individual à dedução à coleta em IRS relativamente às respetivas despesas" e para "assegurar o pagamento devido do IVA e do IRC pelas empresas".