O Governo vai atribuir incentivos e benefícios fiscais aos proprietários que reabilitem casas e as arrendem a valores acessíveis à classe média.
 
A reabilitação do centro das grandes cidades é uma das prioridades assumidas pelo Executivo socialista. A par disso, o Governo estará a trabalhar numa solução que permita à classe média beneficiar do arrendamento a preços mais acessíveis.
 
Em campanha, António Costa assumiu o objetivo de criar um fundo nacional de reabilitação do edificado e lançar um programa de mil milhões de euros para a reabilitação.
 
Note-se que o atual programa era financiado por uma linha de 50 milhões.