A fase de setembro e outubro do programa de apoio ao arrendamento jovem Porta 65 registou 4.383 candidaturas, das quais 1.606 obtiveram subvenção, segundo informação divulgada pelo Instituto da Habitação e Reabilitação Urbana (IHRU).

De acordo com os dados, 1.024 candidaturas novas passam a receber apoio, sendo as restantes consecutivas e ininterruptas (582).

Por tipologias, a maior parte dos apoios foram atribuídas a T2 (1.043), seguindo-se os T1 (346) e os T3 (156).

As pessoas a viverem sozinhas representam 785 candidaturas subvencionadas, seguindo-se jovens casais (774) e jovens em coabitação (47).

Lisboa continuou a ser o município com maior adesão (552), seguindo-se o Porto (399) e Aveiro (130).

A próxima fase de candidaturas ao programa decorre entre as 10:00 de 26 de dezembro e as 18:00 de 15 de janeiro de 2014.

No início de setembro, cerca de 82% das candidaturas ao programa de apoio ao arrendamento jovem foram aprovadas, entre 7.531 solicitações.