As candidaturas aos estágios apoiados pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) estão suspensas desde segunda-feira. Na própria página do IEFP está publicada uma nota onde é esclarecido que as candidaturas em análise ou já aprovadas continuam a obedecer à regras em vigor.

As candidaturas só serão desbloqueadas quando as novas regras, que estão em discussão com os parceiros sociais, entrarem em vigor.

Num email enviado ontem aos diretores dos centros de emprego, a que o jornal «Público» teve acesso, o IEFP justifica a suspensão da Medida Estágios Emprego com a alteração do programa e espera que a publicação da portaria ocorra «durante a primeira quinzena do mês de Julho», altura em que será aberto um novo período de candidaturas.

Na mesma mensagem, escreve o mesmo jornal, o instituto lembra que está em curso um processo de alteração à medida e que, entretanto, já estão a ser feitos ajustamentos nos sistemas informáticos de submissão e de análise de candidaturas, «tendo-se verificado ser tecnicamente aconselhável efetuar a suspensão das candidaturas».

Fonte oficial do instituto acrescentou ao «Público» que a decisão tem «carácter transitório, com uma duração previsível de três semanas», até à concretização das alterações que estão em discussão.