O número de desempregados inscritos nos centros de emprego em setembro ascendeu às 697.296 pessoas, um aumento de 2% em termos homólogos e de 0,3% face a agosto.

De acordo com a informação mensal publicada este sábado pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), no final de setembro encontravam-se inscritos nos centros de emprego do Continente e das Regiões Autónomas mais 13.739 indivíduos do que um ano antes e mais 2.231 em relação ao mês de agosto deste ano.

Os desempregados registados em setembro correspondem a 78,1% do total de 892.403 pessoas que se inscreveram para pedir emprego.

Ofertas por preencher nos centros de emprego sobem em setembro

As ofertas de emprego por preencher totalizavam as 19.645 no final de setembro, mais 62,1% em termos homólogos e mais 7,7% do que em agosto, informou também hoje o IEFP.

As atividades económicas com mais expressão nas ofertas de emprego foram as atividades imobiliárias, administrativas e dos serviços de apoio, comércio por grosso e retalho, alojamento e restauração, administração pública, educação, saúde e apoio social, construção e indústria do vestuário.

No âmbito das ofertas de emprego feitas através do IEFP foram colocadas 9.260 pessoas, o que representa mais 49,3% em termos homólogos e mais 27,5% face a agosto.