O ministro da Economia, António Pires de Lima, disse esta sexta-feira que não quer entrar em «discussão» sobre os números da adesão à greve no setor dos transportes, mas frisou que o funcionamento dos serviços de transportes foi «bastante razoável».

Frente Comum: adesão à greve entre 70 e 100% a nível nacional

«Eu não quero entrar em discussão nenhuma de números. Creio que, na generalidade dos transportes, as coisas estão a funcionar sem grandes perturbações. Mas não quero estar a entrar em especulações de números», afirmou num encontro com jornalistas, em Lisboa.

«Esta é uma greve da administração pública, não é específica dos transportes e, por isso, não quero, francamente, contribuir para discussões sobre esta matéria», reforçou o governante que tutela o setor dos transportes.

Ainda assim, considerou que «o funcionamento da generalidade dos serviços de transportes durante o dia de hoje foi bastante razoável».