O ministro da Economia vai fazer esta quarta-feira um balanço sobre os prejuízos que decorrem da greve da TAP, que está hoje no sexto dia.

Até às 13:00, a companhia aérea realizou 123 dos 173 programados para esta quarta-feira.

O Secretário de Estado dos Transportes antecipa um prejuízo de 10,02 milhões de euros nos primeiros três dias de greve na transportadora aérea. E antecipou um prejuízo de 30 milhões para o total dos 10 dias de greve, deixando ainda um apelo ao sindicato dos Pilotos da Aviação Civil para que desconvocasse a greve.

O SPC não só não desconvocou a greve como admite nova paralisação em junho.

O primeiro-ministro considerou esta quarta-feira, no debate quinzenal,  que a greve dos pilotos da TAP está a pôr em causa a recuperação económica do país, ao afetar as receitas provenientes do turismo e do comércio.