Ainda não há nenhum acordo quanto ao Orçamento do Estado para este ano. Segundo fonte de Bruxelas, as negociações continuam e a decisão final será tomada na sexta-feira.

"As conversações continuam. O colégio de Comissários decidiu que são precisos mais esforços por parte de Portugal, no debate político sobre o esboço que decorreu ontem. Assim, o colégio decidiu que o vice-presidente Dombrovskis e o comissário Moscovici vão continuar as discussões com as autoridades portuguesas para se alcançar este objetivo", esclareceu a fonte à TVI24.

 

O Comissário Europeu, Pierre Moscovici, desfez todas as dúvidas e anunciou no Twitter que as negociações com o Governo português continuam e que nada está fechado.

 

 

O Governo transmitiu esta quarta-feira uma posição de "certeza" de que "estão a correr bem" os processos negociais do Orçamento, quer no plano nacional, quer com Bruxelas, mas frisou que prosseguem as reuniões com a Comissão Europeia.

"As coisas estão a correr bem em Portugal, nomeadamente com os partidos que suportam a solução de Governo, mas também estão a correr bem no processo de negociação que está em curso com a Comissão Europeia", declarou o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Pedro Nuno Santos.

Pedro Nuno Santos falava aos jornalistas após o ministro das Finanças, Mário Centeno, ter apresentado às diferentes bancadas parlamentares as linhas gerais da proposta do Governo de Orçamento do Estado para 2016.

 

Esta tarde, o primeiro-ministro António Costa mostrou-se confiante e disse que a proposta cumpre "compromissos" e que vai ser "tranquilamente" aprovada.