Mas afinal, que medidas já foram confirmadas pelo Executivo?

Eliminação da CES



Reposição dos cortes salariais no Estado



Progressões nas carreiras da função pública mantêm-se congeladas



Subsídios voltam a ser pagos em duodécimos



Sobretaxa do IRS mantém-se



IRC reduz-se para 21%



Impostos sobre tabaco e álcool vão subir




Medidas que poderão constar do documento:

Taxa sobre as farmacêuticas



Doze mil funcionários públicos passam à mobilidade



Reformas antecipadas continuam congeladas