Algumas dezenas de trabalhadores da construtora Soares da Costa voltaram esta segunda-feira a concentrar-se à porta do estaleiro da empresa na Rechousa, em Vila Nova de Gaia, distrito do Porto, para reivindicar salários e subsídio de férias em atraso.

Depois de no dia 21 de julho terem realizado uma concentração naquele local pelas mesmas razões, cerca de 60 trabalhadores reuniram-se de novo esta manhã à porta do estaleiro para exigir os salários e subsídios de férias em atraso.