“No entanto, com a reforma do IRS que entrou em vigor em 2015, os setores de atividade referidos na notícia irão beneficiar de uma redução significativa de imposto a pagar, na medida em que neste ano o coeficiente aplicável a estas prestações será de apenas 0,35”.