Manuela Ferreira Leite considera que Portugal vai crescer no máximo 0,3% do PIB no próximo ano, apontando os 0,6% previstos pelo Governo no Orçamento do Estado, uma autêntica «fantasia».

Para a presidente do PSD, «não há nenhum economista e mesmo não economista que não perceba que há aqui uma fantasia. Acho que não estamos em momentos de fantasia, este é um momento de falar verdade às pessoas», disse a noite passada em entrevista à «TVI».

Para a líder, a política patente ao Orçamento para 2009 «nunca poderá dar um crescimento de 0,6% do Produto Interno Bruto (PIB)», por ser uma política apostada na despesa pública.

Por isso, considera que, por uma questão de segurança dificilmente o crescimento possa ser muito superior a 0,2%. «Nunca andará muito longe disso, 0,3% no máximo», sustentou.