As intenções de investimento em Portugal vão aumentar no próximo ano, com 25% dos investidores a revelarem ter 52 planos para o país, segundo um estudo da EY, que é citado pela Lusa. Este resultado é mais positivo do que o obtido para outros países europeus.

As respostas obtidas apontam para um crescimento das intenções de investimento, face a 2015, com 25% das empresas inquiridas a revelarem ter planos de investimento para o próximo ano.

Portugal colheu respostas mais favoráveis do que as dos outros países europeus, como por exemplo França (23%), Alemanha (23%), Reino Unido (23%), Holanda (19%) e Bélgica (16%).

O estudo EY Attractiveness Survey 2016 foi realizado para a EY, antiga Ernst & Young, pelo CSA Institute (França) em março/abril deste ano e teve por base o inquérito a 205 empresas.

Do total, 121 já estão presentes em Portugal e 84 ainda sem operação no país, incluindo entrevistas telefónicas em 20 países.