O Deutsche Bank vai pagar uma multa superior a 200 milhões de dólares (182 milhões de euros) às autoridades dos EUA por ter violado as sanções económicas impostas a países como o Irão e a Síria.

A informação foi dada à agência francesa AFP por uma fonte ligada ao processo.

O banco alemão vai fazer o pagamento ao regulador dos serviços financeiros de Nova Iorque (DFS, na sigla em Inglês) e à Reserva Federal (Fed), segundo esta fonte, que se exprimiu sob anonimato.

Entretanto a Reserva Federal precisou que a multa é de 258 milhões de dólares (238 milhões de euros).

"O banco não tinha regulamentos suficientes para assegurar que as atividades desenvolvidas pelas suas filiais fora dos EUA cumprem as leis sancionatórias norte-americanas"