A região espanhola da Galiza acumula o maior património entre as maiores fortunas de Espanha (56.450 milhões de euros), com três empresários do setor da moda entre os 10 mais ricos do país, segundo a revista Forbes, noticia a Lusa.

Dados avançados da lista, que será publicada na terça-feira, foram divulgados em Espanha, confirmando que Madrid e a Catalunha concentram 52 das 100 maiores fortunas de Espanha

As 28 pessoas mais ricas de Madrid têm um património de 38.500 e as 24 mais ricas da Catalunha têm um património conjunto de 25.675 milhões de euros.

Apesar de apenas ter seis pessoas nesse grupo de 100, a região da Galiza acumula o maior património, num total de 56.450 milhões de euros, em grande parte devido ao homem mais rico, o dono da Inditex, Amâncio Ortega.

Destacam-se ainda as regiões do País Basco e Comunidade Valenciana (com 8 multimilionários) e as Ilhas Baleares e Galiza (com seis cada).

Segundo a revista Forbes, da lista de este ano saíram 10 nomes, entre eles Joaquin Rivero, Bautista Soler e Tomás Alarcón (que entre si levaram 5.225 milhões de euros), tendo entrado 10 caras novas, com um valor patrimonial conjunto de 4.350 milhões de euros.

A revista explica que há três empresários do setor da moda entre os 10 mais ricos, com um património total de 55.500 milhões de euros.

Destacam-se ainda, entre as grandes fortunas, as do setor imobiliário, alimentação ou finanças, no que é a segunda edição da lista dos 100 mais ricos de Espanha.