O Governo vai substituir os veículos convencionais usados pela administração pública por veículos elétricos, através de um programa que deverá arrancar dentro de um mês, anunciou esta sexta-feira, em Torres Vedras, o secretário de Estado da Energia.

"O Governo está a preparar um programa para trocar veículos convencionais por veículos elétricos na administração pública", afirmou Artur Trindade, adiantando que o programa está a ser ultimado e deverá entrar em vigor dentro de um mês, de forma progressiva.

O secretário de Estado da Energia falava na sessão de abertura da conferência final do projeto internacional Repute (Empresa de Transportes Públicos Renováveis), que tem vindo a trabalhar no desenvolvimento de um projeto-piloto, considerado único por articular os setores público e privado.

Segundo o governante, se se adotar o uso do veículo elétrico na administração pública, "a fatura com combustíveis reduz drasticamente".

"Estamos a falar de um veículo que consome um ou dois euros por cem quilómetros comparado com um veículo tradicional que consome muito mais", explicou Artur Trindade


Além disso, "vai favorecer os cidadãos através da diminuição da despesa pública, quer através da melhoria da 'performance' energética e ambiental do país, ao reduzir o consumo de energia e a pegada de carbono".

A região Oeste integra o projeto-piloto do Repute, estando a desenvolver o programa 'Move Oeste', através da aquisição de 12 veículos elétricos, um por cada município, e disponibilizando-os para testarem o seu uso.