A Efacec anunciou que vai recrutar 700 pessoas até 2020. A empresa que atua nos setores da energia, da engenharia e da mobilidade e que é detida por Isabel dos Santos divulgou, em comunicado, o lançamento de um novo programa chamado "700 Recruta +".

Segundo o comunicado, este programa foca-se nos negócios relacionados com “as novas tendências” observadas nos setores em que a empresa atua, “como a mobilidade elétrica e automação”.

A Efacec garante ainda que o programa “privilegiará a diversidade de género”, tendo a empresa o objetivo global de chegar às 500 mulheres em 2020.

Os trabalhadores da Efacec estiveram em greve em novembro, contra os despedimentos e exigindo melhores condições de trabalho.

A empresa, porém, prefere realçar "a contratação de mais de 500 pessoas nos últimos dois anos, o aumento do número de horas de formação em 100% e a distribuição de prémios pelos resultados alcançados".