O Governo vai contratar uma auditoria extraordinária para apurar se as centrais da EDP receberam compensações em excesso, adiantou ao jornal i o secretário de Estado da Energia, Artur Trindade.

Será uma das grandes empresas internacionais que vai auditar e tentar perceber se a elétrica foi sobrecompensada ao abrigo dos CMEC nos anos de 2012 e 2013 e qual foi o montante de pagamentos em excesso.

Caso se confirme esta situação, esses valor será devolvido ao sistema, abatendo à tarifa ou ao défice tarifário.