O Governo moçambicano assinou um acordo com o Banco Mundial para um empréstimo de 10 milhões de dólares, cerca de 8,8 milhões de euros.

O crédito visa ajudar os negócios e quebrar barreiras comerciais, confirmou à Lusa o ministro da Economia e Finanças, Adriano Maleiane.

"Assinámos um projeto que faz parte de um programa de integração regional que tem muito a ver com a melhoria do ambiente de negócios e a competitividade das nossas economias"

O ministro teve reuniões reuniões com funcionários do Fundo Monetário Internacional e participou na quinta-feira num painel no Banco Mundial.

O acordo foi firmado antes das reuniões de primavera do Bretton Woods, em Washington, que decorrem até ao próximo dia 17.