O lucro da Sonae mais do que duplicou no 1.º trimestre, de 10 para 21 milhões de euros, com todas as áreas de negócio a aumentarem o volume de negócios, nomeadamente as telecomunicações, centros comerciais e ‘investment management’.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Sonae reporta um aumento de 1,7% no volume de negócios, para 1.146 milhões de euros, e uma subida de 1% do EBITDA (resultados antes de impostos, juros, amortizações e depreciações), para 71 milhões de euros.

Até março, o resultado antes de impostos cresceu 5,3% e o resultado direto recuou 30,3%, de oito para seis milhões de euros.