A empresa portuguesa de construção civil Mota Engil África recebeu encomendas de projetos em África no valor de 420 milhões de euros, sendo metade das adjudicações referentes a contratos com entidades públicas.

De acordo com informação enviada à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, os projetos adjudicados à Mota Engil África, subsidiária do grupo Mota Engil, dizem respeito a Moçambique (70,6 milhões de euros), Malawi (72 milhões de euros) e Angola (281 milhões de euros).

Em causa estão projetos de infraestruturas rodoviárias.