O fabricante de máquinas, motores e veículos pesados Caterpillar anunciou esta quinta-feira que vai suprimir 10 mil postos de trabalho em todo o mundo e encerrar mais de 20 instalações devido à deterioração da conjuntura económica.

A eliminação de metade deste postos de trabalho terá lugar até finais de 2016 e os restantes nos dois anos seguintes, indicou o grupo norte-americano, que espera economizar 1,5 mil milhões de dólares por ano.

A empresa ainda não deu detalhes sobre as regiões e os postos afetados, mas as indemnizações por despedimento e outros custos decorrentes desta reestruturação elevam-se a dois mil milhões de dólares. Em três anos, a empresa eliminou 31 mil empregos.