A empresa Colgate-Palmolive vai despedir cerca de 135 pessoas na Europa nos próximos três anos, entre as quais 17 em Portugal, revelou esta quarta-feira AFP, que citou um documento interno da empresa. Mais de 50 postos de trabalho deverão ser extintos em França, 34 em Itália, 17 em Portugal, 16 em Espanha e 15 em Atenas.

A administração da empresa justificou a decisão de reduzir o número de postos de trabalho com a manutenção «da competitividade» da companhia.

No final de outubro, a Colgate-Palmolive anunciou receitas de 3.253 milhões de euros no terceiro trimestre, mais 1,5% do que em 2012, o que representou um lucro de 485 milhões de euros, acima dos 483,8 milhões registados em igual período do ano anterior.

Na Europa e Pacífico Sul, as vendas também registaram um crescimento de 1,5% no terceiro trimestre deste ano face ao homólogo de 2012, tendo o lucro operacional subido 9% na região.